34ª edição da Oktoberfest foi de recordes de consumo e público

23/10/2017

Mais uma vez, a Oktoberfest bateu recorde. A 34ª edição da maior festa alemã das Américas recebeu, nos 19 dias de festa, 568.027 visitantes. É o maior público já registrado desde a assinatura do Termo de Ajustamento de Conduta (TAC), em 2013, quando se limitou o número de 40,7 mil pessoas ao mesmo tempo. Em comparação com 2016, ano do recorde anterior, o número é 6,21% maior.

No domingo, dia 22, último dia do evento, passaram pelo Parque Vila Germânica 51.313 pessoas, 3,59% a mais que 2016. O dia mais movimentado foi o sábado, dia 14 de outubro, quando 67.648 pessoas passaram pela festa, também o maior desde a assinatura do TAC.

O presidente do Parque Vila Germânica e secretário de Turismo e Lazer, Ricardo Stodieck, afirmou que a organização está satisfeita com os resultados, tanto de público quanto de consumo. E destacou que tem como a festa receber mais visitantes nos próximos anos. “A gente já vem percebendo que o número de frequentadores nos dias de semana vem aumentando. E foi isso que contribuiu para o recorde deste ano. Nossa ideia é incentivar ainda mais isso, para que tenhamos pavilhões lotados todos os dias”.

Os oktoberfesteiros também vieram com mais fome. Foram 383.118 pratos comercializados, 1,51% a mais que 2016. Somente no domingo, foram 32.763 pratos, 10,52% a mais que o ano passado.

Até a sede foi maior, com destaque para o crescimento do consumo do chope especial – 34,58% a mais que 2016. Nos 19 dias, foram consumidos 1.530.558 copos, ou 612.223 litros. O número é 3,28% a mais que 2016. Já o chope de coquetel de vinho caiu 49,86%.

A organização divulgou ainda a data para a edição de 2018: de 3 a 21 de outubro. Uma das novidades será o retorno da VoXXclub, banda alemã que fez sucesso na festa de 2016.


Assessores de comunicação: Felipe Rodrigues e Julimar Pivatto